Reiki e os Benefícios para o Transtorno do Espectro do Autismo

Reiki e o Autismo

transtorno do espectro do autismo
Algumas pessoas também têm explorado a ideia de usar o Reiki para ajudar as pessoas com transtorno do espectro do autismo.

O Reiki é uma técnica de cura japonesa, usada pelas pessoas para o bem-estar e redução do estresse quando enfrentam uma série de problemas diferentes, desde o estresse cotidiano até câncer terminal.

Existem poucas pesquisas específicas sobre o uso do Reiki para os transtornos do espectro do autismo, mas estudos existentes mostram que o Reiki pode ser eficaz para este propósito.

 

Definição do Transtorno do Espectro do Autismo

É mais conhecido como espectro do autismo, mas é conhecido cientificamente como TEA (transtorno do espectro do autismo).

Os transtornos do espectro autista, ou TEA, são um grupo de doenças que afetam a capacidade de um indivíduo para funcionar normalmente em ambientes sociais.

Estes sintomas costumam aparecer nos dois primeiros anos de vida.

 

Alguns dos sintomas do Transtorno do Espectro do Autismo incluem:

 

  • Falta de vontade para fazer ou manter contato visual.
  • Interesses altamente focados em temas ou objetos específicos.
  • Comportamentos repetitivos.
  • Problemas com a conversa em ambos os sentidos.
  • Respostas incomuns as emoções ou a afeição dos outros.
  • Apego incomum a rotinas ou ajustes específicos.
  • Repetir palavras ou frases.
  • Dificuldade para entender os pontos de vista dos outros.
  • Um tom de voz incomum.

 

A maioria das pessoas afetadas são diagnosticadas com TEA durante a sua infância e continuarão lutando com a doença durante toda a sua vida. A gravidade varia consideravelmente.

Enquanto algumas pessoas têm apenas uma versão leve do transtorno e são capazes de viver uma vida plena e produtiva como adultos, outras são totalmente deficientes e podem necessitar de cuidados e supervisão em tempo integral.

transtorno do espectro do autismo

Os transtornos do espectro do autismo são extremamente difíceis de tratar e ainda não encontrou uma cura completa. Quando se prescrevem medicamentos a pessoas com TEA, normalmente estão dirigidos para o tratamento de um ou mais dos sintomas do transtorno.

Os medicamentos que podem ser prescritos incluem: antidepressivos, medicamentos para o TDAH e medicamentos concebidos para controlar a irritabilidade ou agressividade.

As pessoas com TEA podem também participar em programas terapêuticos ou educacionais especiais destinados a ajudá-los a lidar com a doença e a viver o mais normalmente possível.

 

Infelizmente, alguns dos medicamentos prescritos para as pessoas com TEA podem causar outros efeitos colaterais. Além disso, muitas pessoas com transtorno do espectro do autismo podem continuar com problemas, mesmo com o tratamento.

Por esta razão, é comum que as pessoas com TEA e/ou seus pais procurem opções de tratamento inclusivo. Uma das terapias para usar como complemento masi prosurada e benéfica é o Reiki.

 

Como o Reiki pode ajudar pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo?


Estudos e relatórios indicam que o Reiki pode proporcionar uma série de benefícios diferentes para as pessoas que participam das sessões de forma regular.

Alguns dos benefícios que podem ser úteis para as pessoas com TEA podem incluir:

Uma oportunidade de se conectar com outra pessoa de uma forma diferente. Um dos traços distintivos ASD é a dificuldade com a interação social.

Adultos e crianças com TEA (transtorno do espectro do autismo) podem ter dificuldades transtorno do espectro do autismopara estabelecer uma conexão com as pessoas que os cercam, quer sejam membros da família ou colegas de classe.

Durante as sessões de Reiki,o paciente terá a oportunidade de se conectar com o seu praticante de uma forma única.

 

Redução do stress e da ansiedade.

As pessoas com TEA frequentemente estão inquietas e hiperativa. Os estudos têm demonstrado que o Reiki pode reduzir os sentimentos de estresse e ansiedade. O que por sua vez pode ter um efeito calmante em pessoas com TEA.

 

Rotinas de sonos mais saudáveis.

De acordo com o grau, pode alterar significativamente os padrões de sono. Isso que leva a sintomas exacerbados, e mais estresse. O Reiki pode melhorar estes padrões de sono, permitindo que o cliente obtenha um sono mais repousante e revigorante.

 

Mais controle sobre o Transtorno

Os pais de crianças com TEA (transtorno do espectro do autismo), bem como as próprias crianças, muitas vezes, sentem que estão convivendo com um transtorno que não podem controlar.

As sessões de Reiki permitem tanto as crianças como seus prestadores de cuidados de saúde ser proativo na hora de tratar os sintomas e melhorar a qualidade de vida.

 

transtorno do espectro do autismo

Desafios

Embora alguns estudos e relatórios indicam que o Reiki pode ser útil para as pessoas com TEA (transtorno do espectro do autismo), a realização de Reiki em um paciente com esta condição pode ser um desafio para o praticante.

Especialmente no caso de crianças pequenas, o TEA faz com que seja difícil ficar quieto e calmo durante a aplicação.

Devido a que as sessões de Reiki exigem que o cliente esteja parado, isso pode ser um problema. Alguns pais de crianças com TEA descobriram que as sessões de Reiki são mais bem sucedidas quando a criança estiver sonolenta ou dormindo.

 

Outros pais relatam que começar com uma sessão de Reiki mais curta e trabalhar gradualmente até uma mais longa é eficaz para crianças com TEA. Esteja ciente do diagnóstico e os possíveis desafios antes da primeira sessão para que você possa se preparar adequadamente.

Uma breve sessão inicial de 15 a 30 minutos pode ser ideal.

 

Reiki para Prestadores de cuidados com a saúde

Os efeitos dos transtornos do espectro autista não se limitam a uma pessoa com o diagnóstico.

Os pais e outros cuidadores de crianças com TEA (transtorno do espectro do autismo) também enfrentam uma grande preocupação, desgaste e confusão emocional, quando tentam cuidar da pessoa afetada.

Em muitos casos, estes prestadores de cuidados de saúde, acabam desenvolvendo algum 

transtorno do espectro do autismo

problema físicos, como resultado do estresse contínuo. O Reiki pode ajudar os cuidadores a lidar com alguns desses problemas para que possam cuidar melhor de seus filhos.

 

Os prestadores de cuidados de saúde que participam em sessões de Reiki podem aproveitar os níveis de stress mais baixos. Menos ansiedade e melhor qualidade de sono.

Participar em sessões de Reiki também pode ajudar o cuidador a melhorar a sua compreensão do propósito destas sessões. O procedimento utilizado e a natureza dos resultados.

 

Como encontrar um profissional de saúde adequado

O Reiki não é um substituto para o tratamento médico. No entanto, alguns de seus efeitos podem ser benéficos para crianças e adultos com TEA (transtorno do espectro do autismo).

Devido a que o Reiki não produz efeitos colaterais e não apresenta risco de complicações, pode ser usado em conjunto com medicamentos e outras terapias.


O papel do Reiki é uma terapia complementar para apoiar o cuidado tradicional e é usada com muitas doenças e os transtornos sintomáticos como terapia complementar.

Você pode começar fazendo uma entrevista com um praticante experiente. Se você ou seu filho está nessa luta, batalhando a cada dia, saiba que o Reiki pode ajudar você.

Veja mais em https://cursodereiki.net